Alecrim   Saiba como comprar Entre em contato com a Objetiva Conheça alguns lançamentos da Objetiva para saber mais sobre a Objetiva
Compare preços
para este título
Compare preços para este título

Alecrim
Rosa Amanda Strausz
Infanto-Juvenil   112 páginas
Ilustrações: Laurent Cardon
ISBN: 8573025018


Ninguém sabe muito bem como elas surgem. As fadas aparecem quando a gente precisa e depois voam para outro lugar. Em ALECRIM, Rosa Amanda Strausz nos apresenta uma fada diferente de todas as outras.

Alecrim nasceu de um repolho. Assim, de repente, ela surgiu no reino das fadas. Mas o que fazer com aquele bebê-fada? Quem cuidaria dela? Quem lhe ensinaria os princípios da magia? Ou será que já nascera sabendo?

Ao completar 15 anos, Alecrim deveria sair pelo mundo e tornar-se uma fada de verdade e, sem Claridade, sua "fada-mãe", por perto, sentia-se desprotegida para desfazer com segurança os encantamentos que não davam certo. A Grande Fada concede à jovem aprendiz de magia um desafio sem antecedentes no Reino das Fadas: viajar pelo mundo e fazer os feitiços com o poder de quinze anos mais tarde conferir os resultados de seus atos e poder neutralizá-los, caso necessário.

Mas as respostas para suas dúvidas, Alecrim vai encontrar mesmo nos preciosos ensinamentos de uma outra grande fada: Sylvia Orthof. É com ela que Alecrim aprende a se tornar uma verdadeira fada. Uma fada meio parecida com a gente, é claro. Atrapalhada e divertida, ela usa a fantasia para entender a realidade e descobrir as pistas de como transformá-la e de que forma pode ajudar a melhorar a vida das pessoas.

Com seu estilo leve e bem-humorado, Rosa Amanda promete fazer de Alecrim uma personagem tão apaixonante quanto os personagens do seu livro Uólace e João Victor, garotos espertos que saíram direto da literatura para a tevê, na minissérie Cidade dos Homens, veiculada pela TV Globo.

Como escreve Maria Antonieta Antunes Cunha, doutora em Educação com especialização em Literatura Infantil — "Alecrim é irmã de muitas personagens de Sylvia: a Galinha e o Jeremias, de Mudanças no galinheiro mudam as coisa por inteiro, e as muitas fadas que ela inventou, por exemplo. E todas essas personagens querem mesmo é tornar a vida mais feliz, com mais sentido.(...) Poderíamos dizer que em Sylvia e em Rosa a fantasia corre solta, sem cerimônia alguma. "

Rosa Amanda Strausz estreou na literatura em 1991, com o livro Mínimo múltiplo comum, que lhe rendeu o Prêmio Jabuti. De lá pra cá , lançou mais de uma dezena de títulos infanto-juvenis, entre os quais se destacam: Mamãe trouxe um lobo para casa! (Prêmio Revelação da FNLIJ); A coleção de bruxas de meu pai (Prêmio Revelação da FNLIJ) e Uólace e João Victor (Prêmio João de barro e Selo Altamente Recomendável).




Objetiva      Destaques      Contato      Como Comprar

editoras.com